.comment-link {margin-left:.6em;}

sexta-feira, junho 09, 2006

 

Há limites

Há quem pense que numa democracia se pode fazer o que se quiser, com a maior liberdade e com a aceitação de tudo e de todos!
É evidente que na democracia não se pode consentir que se instalem, desenvolvam grupos que têm como essencial finalidade a destruição da própria democracia.
O respeito que se deve a opiniões plurais não pode ir ao ponto de aceitar aqueles que existem apenas para defender valores e princípios totalmente opostos ao que estão na base de um sistemas democrático.
É o caso dos que desejam e estão até dispostos até a lutar, por qualquer meios, por uma ditadura, por um regime em que se violem os direitos e liberdades fundamentais e em que se use e abuse da repressão e da opressão.
Daí que não possa haver quem se queixe de que, afinal, a democracia não aceita e até condena grupos fascistas, racistas, inimigos de uma sociedade solidária, tolerante, respeitadora da dignidade humana.
Para vingar um regime democrático há que “ travar” a acção dos que estão dispostos a combatê-lo, com o propósito de impor um regime ditatorial, sempre arrogante e violento.
Há, pois, limites quanto à aceitação que em democracia deve existir em relação aos que têm opiniões e posições diferentes, o que s e só se justifica desde que sintam e vivam o espírito democrático.

Comments:
This is very interesting site... » »
 
I have been looking for sites like this for a long time. Thank you! film editing schools
 
Enviar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?