.comment-link {margin-left:.6em;}

quarta-feira, agosto 17, 2005

 

A minha opinião

Sem qualquer propósito de querer afrontar quem quer que seja mas com a sinceridade que me é habitual devo dizer que, agora já de posse das listas completas do PS para a Câmara e para a Assembleia Municipal, se me impõe dar uma opinião.
É curioso que com alguns dos nomes alinhados como suplentes se poderia ter enriquecido a composição das listas dos efectivos.
Além, claro,para não falar de muitos outros militantes ou simpatizantes do PS que nem como suplentes foram aproveitados!
Teriam sido feitos os convites e foram recusados ou não foram mesmo feitos?
Não deixa de causar realmente pena ver afastados elementos válidos ou ver entre os suplentes quem, pelo seu passado, pela sua já experiência política e pelos muitos serviços prestados ao Partido ou à comunidade figueirense, devia estar entre os candidatos efectivos.
Não é só o PS a perder com isso, é também a Figueira que ficará privada da colaboração activa dos que, por qualquer razão, foram esquecidos ou preteridos.
Parece-nos que houve mais cuidado na composição da lista da Assembleia Municipal, onde, na verdade, estão integrados elementos muito válidos, que, no órgão próprio, saberão discutir com competência as questões que lhes forem postas.
A equipa escolhida para a Assembleia Municipal é, quanto a nós, mais coesa, com maior valia e com a capacidade de bem exercer as suas funções.
Não cito, propositadamente nomes para não ferir susceptibilidades, mas quem conhece bem o PS por dentro e aqueles que o têm servido com dedicação e abnegadamente, mesmo em situações difíceis, saberá, decerto, ao apreciar as listas aceitar este meu parecer e sentir um certo desalento por ver que aquelas listas, no seu conjunto, poderiam ter mais valor.
Agora, em relação ao PSD, sem intenção de me imiscuir num Partido que não é o meu, mas apenas para dar a minha opinião como figueirense, não posso deixar de sentir também uma desilusão quanto à composição das listas que foram apresentadas.
Na da Câmara, porém, Lídio Lopes recebeu justiça merecida ao ser escolhido para candidato a vereador; a Drª Teresa Machado, que para mim foi surpresa dispor-se a alinhar nesta lista e com os elementos que dela fazem parte, é, sem dúvida, uma mais valia pela forma correcta com que exerceu as funções neste Executivo, só não merecendo descer de lugar ( de terceiro para quarto).
Quanto aos restantes elementos dispenso-me de qualquer comentário, pois os figueirenses devem já ter deles uma ideia do que valem.
Só mais um apontamento: Martins de Oliveira, que exerceu bem o seu mandato neste Executivo, foi, agora, escolhido para número dois da Assembleia Municipal.
Parece-nos ser uma compensação justa.

Comments:
A LUTA CONTINUA
jornaleiros de coimbra, reabre a 6 de setembro, com nova gerência.
nas suas montras, vão figurar as tendências da estação outono - inverno, desta nossa coimbra - dos - pequenitos.
até lá, continue a usar e a abusar do blog dos sem blog... aproveite os saldos e em vez de uma, envie duas notícias.
jornaleirosdecoimbra.blogspot.com
 
Enviar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?