.comment-link {margin-left:.6em;}

segunda-feira, março 20, 2006

 

Morreu o filósofo Fernando Gil

Em Paris, faleceu, vítima de doença incurável, aquele que Vilaverde Cabral considerou o “ filósofo português mais importante da segunda metade do século XX”.
Com uma vasta e muito valiosa obra, granjeou com justiça uma posição de relevo no mundo da Cultura, como um dos mais notáveis pensadores contemporâneos.
Foi grande opositor ao regime de Salazar, exilando-se em França, após a sua licenciatura em Direito na Universidade de Lisboa.
Depois da Revolução do 25 de Abril, aproximou-se do Partido Socialista, como convicto social-democrata que era.
Fernando Gil interveio em muitos colóquios, foi autor de várias obras e não só sobre filosofia.
Doutorado pela Sorponne e foi ilustre docente na Universidade de Vincennes.
Mesmo vivendo em França, nunca deixou de manter boas amizades com intelectuais portugueses e mesmo de outras nacionalidades.
A sua morte, aliás já esperada, foi muito sentida nos muitos amigos, que ao longo da sua vida, soube conquistar, os quais apreciavam a sua verticalidade, a sua grande envergadura intelectual e a sua postura cívica e política sempre coerente.
Morreu, pois, um português notável.

Comments:
Enjoyed a lot! » » »
 
Very cool design! Useful information. Go on! »
 
Enviar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?